Neymar ganha apoio no Brasil após denunciar racismo

Neymar ganha apoio no Brasil após denunciar racismo

Álvaro Gonzáles fez o ato durante a partida entre o PSG e o Marsella, no domingo, pelo Campeonato Francês

AFP

Neymar acusou o espanhol Álvaro Gonzáles de ato racista durante a partida do PSG contra o Marsella, no domingo

Vários jogadores e torcedores brasileiros mostraram solidariedade ao atacante Neymar, que denunciou ter sido vítima de ofensas racistas proferidas por um jogador espanhol durante a partida entre sua equipe, o PSG, e o Marsella, no domingo, pelo Campeonato Francês.

"No esporte assim como na vida, estamos para inspirar pessoas, para transformar vidas e não há espaço para pessoas que proclamam ódio ou racismo. Que você não se deixe guiar pelo ódio meu irmão, que você seja a paz e a bondade que você carrega na sua alma", escreveu Daniel Alves, companheiro de Neymar no time parisiense e no Barcelona e atualmente no São Paulo. "O amor é a única forma de combater o ódio", acrescentou.

De acordo com imagens da televisão francesa Téléfoot, Neymar informou durante a partida à equipe de arbitragem que estava sendo alvo de insultos racistas, repetindo "Racismo, não!" Enquanto reclamava, o atacante do PSG apontava para o espanhol Álvaro González, zagueiro do Marselha e responsável por sua marcação durante o jogo no estádio parque dos Príncipes.

Ao final da partida, vencida pelo Marsella por 1 a 0 e válida pela terceira rodada do Campeonato Francês, Neymar foi expulso após acertar um tapa na cabeça de Gonzalez. Além do atacante brasileiro, outros quatro jogadores foram receberam cartões vermelhos (dois de cada time).

Felipe Melo, volante do Palmeiras, também usou o Twitter para apoiar Neymar: "Fez bem, pena eu não jogar contra esse racista de m...!!"

O presidente brasileiro Jair Bolsonaro retuitou uma mensagem anterior de Neymar, na qual lamentava que o VAR detectasse sua "agressão", mas não a do "racista" que, segundo ele, o chamou de "macaco filho da p...".

Muitos internautas expressaram seu apoio a Neymar e disseram que o o craque do clube francês fez bem ao bater no jogador espanhol. "Estamos com você Neymar, os racistas merecem isso e muito mais !! Fogo nos racistas !!", escreveu @neymarjrdepre.

Outros, porém, criticaram a atitude do jogador. "Esses xingamentos rola o tempo todo no futebol. Um erro não justifica outro", escreveu @ValnilsonP.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895