André Brasil ganha bronze nos 100 metros borboleta
capa

André Brasil ganha bronze nos 100 metros borboleta

Com a medalha de ouro, ficou o ucraniano Denys Dubrov com tempo de 54s71

Por
Agência Brasil

Com a medalha de ouro, ficou o ucraniano Denys Dubrov com tempo de 54s71

publicidade

A primeira medalha brasileira na noite desta segunda-feira, com 16 decisões na natação, foi para André Brasil, que ficou com a medalha de bronze nos 100m borboleta S10. Na prova, o ucraniano Denys Dubrov quebrou o próprio recorde, atingindo o tempo de 54s71 - a marca anterior era 55s29. A prata foi para o também ucraniano Maksym Krypac. Entre 16 provas finais de natação paralímpica previstas para hoje, atletas brasileiros estarão presentes em oito, com nove nadadores.

Na primeira disputa por pódio, Thomaz Matera terminou em oitavo na prova de 400m estilo livre categoria S13. O vencedor foi Ilhar Boki, de Belarus, que fez o tempo de 3min55s62, muito próximo de seu próprio recorde,
de 3min55s56. A prata ficou com o ucraniano Iaroslav Denysenko e o bronze com Dmitriy Horlin, do Uzbequistão.

O brasileiro Ruiter Silva disputou os 100m estilo livre S9 e terminou em quinto. O ouro e a prata foram para os australianos Timothy Disken, com o tempo de 56.23, e Brenden Hall, e o bronze para o húngaro Tamas Toth. 

Ainda nadam nesta segunda-feira em busca de medalhas os brasileiros Talisson Glock, Veronica Almeida, Daniel Dias, Clodoaldo Silva e Joana Maria Silva.