Hebert Sousa vence por nocaute e é ouro no boxe

Hebert Sousa vence por nocaute e é ouro no boxe

Brasileiro perdia luta por pontos, mas achou golpe certeiro em ucraniano

Correio do Povo

Emoção total do brasileiro, com vitória de virada

publicidade

O brasileiro Hebert Sousa buscou na raça seu ouro olímpico, neste sábado na final dos pesos médios do boxe. Depois de sofrer nas mãos do ucraniano Oleksander Khyzhniak por dois rounds, ele virou a luta com um nocaute improvável e fez história.

Usando toda sua experiência e agilidade, o ucraniano pressionou Hebert desde o primeiro segundo de luta. Sem dar espaço, encaixou seus golpes e castigou o brasileiro.

Perdendo por 20 a 18, Hebert ia precisar de um último round fora do normal. E o momento ímpar veio. Khyzhniak veio para cima, mas no contragolpe Hebert encaixou um cruzado certeiro no queixo do rival. O ucraniano desabou no ringue, desorientado.

Nocaute e medalha de ouro para o Brasil. O adversário reclamou muito e deixou o ringue revoltado, mas sem apelação. Festa de Hebert Sousa, com muita emoção, gritos e lágrimas.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895