Pelé deixa a UTI após cirurgia no cólon, em São Paulo
patrocinado por

Pelé deixa a UTI após cirurgia no cólon, em São Paulo

Filha do ex-jogador confirmou nas redes sociais que o pai estava se recuperando bem da cirurgia

AFP

Pelé recebeu alta da UTI após uma operação no cólon devido a um tumor suspeito

publicidade

O ex-craque Pelé, de 80 anos, deixou a Unidade de Terapia Intensiva onde estava internado havia uma semana e meia nesta terça-feira, após uma operação no cólon devido a um tumor suspeito, informou o Hospital Israelita Albert Einstein, que o atende em São Paulo. "O paciente Edson Arantes do Nascimento apresenta boa condição clínica, e recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Permanecerá, a partir de agora, em recuperação no quarto", indicou o hospital em um comunicado.

O "Rei" estava na unidade especial desde sábado, 4 de setembro, quando o operaram para a retirada de um tumor no cólon detectado em exames de rotina. Os médicos disseram que esperavam transferir o ex-jogador para um quarto na terça-feira, mas ele acabou fazendo isso uma semana depois. 

Uma de suas filhas, Kely Nascimento, garantiu na segunda-feira que o tricampeão mundial (1958,1962 e 1970) estava "pronto para deixar a UTI". "Ele está se recuperando bem da cirurgia. Está sem dor, de bom humor (está meio irritado que só pode comer gelatina mas vai superar!), brincou em sua conta no Instagram.

Kely Nascimento acompanhou sua mensagem com a foto de uma aparente videochamada com o astro, na qual Pelé é mostrado com um meio sorriso e um gesto alegre. Essa foi a primeira imagem do ex-jogador, que completa 81 anos no dia 23 de outubro, desde que foi internado no prestigioso hospital paulista.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895