Pepê desafoga Brasil e garante 5 a 3 sobre a Bolívia no Pré-Olímpico

Pepê desafoga Brasil e garante 5 a 3 sobre a Bolívia no Pré-Olímpico

Seleção chegou a abrir vantagem no placar, mas bolivianos reagiram num final de jogo eletrizante

Correio do Povo

publicidade

A Bolívia transformou o que parecia destinado a ser uma goleada do Brasil e um jogo tenso e emocionante, nesta terça-feira, pelo Pré-Olímpico. Eventualmente, a Seleção venceu por 5 a 3, mas os bolivianos chegaram perto de um empate na reta final, em meio às diversas falhas da defesa brasileira. Foi o gol de Pepê, já nos acréscimos, que finalmente deu tranquilidade. O resultado garante o Brasil no quadrangular final, com uma rodada de antecedência.

O Brasil saiu na frente e com autoridade. Marcou no primeiro tempo com Antony e Matheus Cunha. O problema é que Abrego descontou ainda na etapa inicial, indicando que os bolivianos não iriam entregar os pontos. Ainda no primeiro tempo, Guga voltou a aumentar a distância e parecia que as favas eram contadas.

Veio a segunda etapa e, aos 15 minutos, Reinier anotou 4 a 1, com indicativos de goleada do Brasil. Mas a partir daí, o time abusou dos erros defensivos. Aos 25, Abrego descontou novamente ao receber livre na área.

Pepê entrou aos 30 minutos no lugar de Paulinho, formando o trio de gremistas em campo. Só que foi então que Reyes botou fogo na partida, ao antecipar Guga e anotar 4 a 3 de cabeça. O jogador do Inter, Bruno Fuchs, foi então lançado a campo para reforçar a defesa, no lugar de Reinier.

Aos 49, uma dobradinha de gremistas resultou no 5 a 3 do suspiro. Caio Henrique achou Pepê na área e ele chutou forte, cruzado, garantindo a vitória.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895