Regra de cinco substituições por jogo seguirá em vigor até a Copa de 2022
patrocinado por

Regra de cinco substituições por jogo seguirá em vigor até a Copa de 2022

Medida entrou em vigor na retomada das competições após o recesso causado pela pandemia em 2020

AFP

Japão disputou jogo pelas Eliminatórias pela Copa

publicidade

As equipes poderão continuar fazendo cinco substituições por jogo até o fim de 2022. O anúncio foi feito nesta sexta-feira pela Ifab (International Football Association Board) entidade responsável pelas regras do futebol. A medida entrou em vigor na retomada das competições após o recesso causado pela pandemia em 2020, e que incluirá a Copa do Mundo do Catar-2022. 

Esta mudança na "lei 3" do futebol, que estabelece um máximo de três substituições por jogo, foi decidida em março de 2020 e vigorou até o final de 2021 para competições de clubes e até 21 de julho de 2022 para os jogos internacionais.

O objetivo é "apoiar o bem-estar dos jogadores, até porque o calendário tem sido perturbado, o que muitas vezes leva à condensação das competições", explicou a International Board.

Essa modificação foi criticada quando foi adotada em 2020 por oferecer uma vantagem aos grandes clubes, com elencos mais completos, mas o debate acabou quando as equipes confirmaram o cansaço de seus jogadores por acumular partidas depois de vários meses sem competir.

Paralelamente, algumas competições, incluindo o Campeonato Europeu Sub-21, testaram uma sexta alteração em caso de concussão cerebral, experiência lançada pela Ifab no final de 2020. A Ifab "continuará a examinar o impacto da pandemia no futebol", frisou em seu comunicado.

A Fifa tem quatro votos de oito nas decisões da Ifab. Os outros quatro são propriedade histórica das federações de futebol galesa, escocesa, inglesa e irlandesa. A Copa do Mundo do Catar será realizada entre 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895