Artilheiro da Copa América, Everton é eleito o melhor da final do torneio
capa

Artilheiro da Copa América, Everton é eleito o melhor da final do torneio

“Botei na cabeça que hoje tinha que dar o sangue”, afirmou atacante

Por
Correio do Povo

Everton marcou gol e sofreu pênalti na final

publicidade

Everton foi o grande nome da Seleção Brasileira na vitória sobre o Peru por 3 a 1. Além de se movimentar, tentar a jogada individual em todos os lances pela esquerda, marcou o gol que abriu o placar, e sofreu o pênalti que fechou o placar, convertido por Richarlison. 

O atacante também foi eleito o melhor jogador em campo na final da Copa América 2019 pela Conmebol. O melhor jogador da competição foi o lateral-direito Daniel Alves.

Após a partida, o atacante do Grêmio agradeceu em primeiro lugar à família e, depois, aos companheiros de Seleção. Também disse ter ficado chateado com a atuação na semifinal, diante da Argentina, e que precisava passar por cima disso. “No último jogo eu fiquei meio apagado. Botei na cabeça que hoje tinha que dar o sangue”, destacou.

Everton parabenizou a equipe e falou sobre a atuação individual na partida: “Hoje fui feliz em fazer o gol e sofri o pênalti. Só tenho a agradecer por esse momento”, comentou.

Everton foi o artilheiro da competição, com três gols. Ele dividiu o posto com o atacante peruano e do Inter, Paolo Guerrero. “Torci para ele perder o pênalti, mas não pela artilharia, pelo jogo mesmo”, brincou o atacante.