CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, QUINTA-FEIRA, 20 DE MAIO DE 2004

Grêmio está fora da Copa do Brasil
Time não teve bom desempenho e ficou no 0 a 0 com o Flamengo no Rio. Eliminação aumenta a tensão no estádio Olímpico




28GREMIO.jpg Felipe, um dos destaques da partida, contra Cocito e Élton: Grêmio esteve improdutivo no ataque


O Grêmio está fora da Copa do Brasil. Ontem, o time não teve forças para fazer um gol no Flamengo e está desclassificado da competição. O empate em 0 a 0, no Maracanã garantiu vaga à equipe carioca e aumentou a tensão no Olímpico.

A etapa inicial chamou mais a atenção por alguns lances isolados do que pela disputa tática das equipes. Primeiro, em uma janelinha que Felipe aplicou em Tiago Prado, que não teve maiores conseqüências porque a zaga afastou para escanteio. Segundo, em uma jogada curiosa envolvendo Tavarelli. O goleiro recebeu passe de Claudiomiro e errou o chute. Em seguida, segurou a bola com a mão, cedendo falta ao Flamengo. Felipe cobrou direto e acertou o ângulo. Como a jogada era em dois lances, o gol foi anulado por Héber Roberto Lopes.

De resto, o Grêmio, que precisava reverter a vantagem obtida pelo Flamengo na primeira partida, acomodou-se na defesa e apostou nos contra-ataques, sem sucesso. Com Christian jogando mais recuado e Marcelinho apostando nos cruzamentos, o time apenas viu o adversário ameaçar.

A necessidade do gol obrigou o Grêmio a atacar com mais força na segunda etapa. O time voltou melhor e com dez minutos já havia levado mais perigo do que o primeiro tempo inteiro. A melhor chance até então foi desperdiçada com Bruno, que cobrou por cima uma falta da entrada da área.

O ímpeto gremista, porém, cedeu espaço para o contra-ataque rubro-negro, e por pouco, aos 12 minutos, Jean não tornou quase impossível a missão gremista, ao desperdiçar boa chance de gol.

Adílson então sacou Marcelinho, Élton e Claudiomiro para as entradas de Pitbull, Léo Inácio e George. O time e a partida pouco mudaram e, com a proximidade do final, os erros de passe cresceram na mesma medida da ansiedade do Grêmio.

Flamengo: Júlio César; Reginaldo Araújo, André Bahia, Fabiano Eller e Roger; Da Silva (Juliano), Douglas Silva, Ibson e Zinho (Athirson); Jean (Diogo) e Felipe. Técnico: Abel Braga.

Grêmio: Tavarelli; Claudiomiro (George), Baloy e Tiago Prado; Michel, Cocito, Leânderson, Bruno e Élton (Léo Inácio); Marcelinho (Pitbull) e Christian. Técnico: Adílson Batista.

Árbitro: Héber Roberto Lopes (PR). Público: 22.163. Renda: R$ 205.709,00.



Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil