Homem ou máquina? Fantasia de robô engana plateia na Rússia
capa

Homem ou máquina? Fantasia de robô engana plateia na Rússia

Por

publicidade

Boris foi apresentado em feira como robô humanoide capaz de dançar | Foto: Reprodução / R7 / CP


Boris foi apresentado em uma feira de tecnologia na Rússia como um robô humanoide que poderia interagir com as pessoas respondendo perguntas e até dançar. Porém, as imagens de uma TV estatal que cobria o evento revelaram o segredo por trás da máquina. Durante a feira, o simpático robô subiu ao palco para interagir com o público e dançar ao lado de dois apresentadores da atração.

Assim que a música começou a tocar, o robô executou diversos passos de dança acompanhando a música e até copiado os movimentos de quem estava no palco. O público que assistia à apresentação era formado basicamente por jovens e muitos chegaram a dançar junto imitando os movimentos. Fora do palco, o suposto robô fazia sucesso nos corredores da feira e muitas pessoas tiravam foto ou tentava interagir com a novidade.

A rede de TV russa levou Boris ao estúdio para uma participação especial e, claro, que o robô teve que dançar assim como em suas outras apresentações. Novamente, os movimentos foram executados com perfeição, inclusive o salto em um pé só com os braços balançando. Essa dancinha faz muito sucesso na internet. Não demorou muito para surgirem especulações sobre o robô e uma análise mais cuidadosa das imagens da TV encontrou uma pista de que algo estava errado.

Em uma das imagens, é possível ver um pedaço do pescoço de uma pessoa. Ou seja, Boris nada mais era do que uma boa fantasia e não uma máquina desenvolvida com tecnologia de ponta. A agência MBH Media publicou no Twitter a foto de uma pessoa usando a fantasia, mas sem a parte que cobre a cabeça. A fantasia de robô foi criada pela empresa Show Robot e o nome verdadeiro é Alyosha. O produto não é nada tecnológico e pode ser comprado por cerca de R$ 15 mil.

* Fonte: R7