Novo chefe da Nasa, Bill Nelson comemora "uma nova era espacial"

Novo chefe da Nasa, Bill Nelson comemora "uma nova era espacial"

Estados Unidos se preparam para voltar à Lua

AFP

Nelson prestou juramento diante da vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris

publicidade

O ex-congressista democrata Bill Nelson tomou posse como diretor da Nasa nesta segunda-feira (3) e anunciou "uma nova era espacial", quando os Estados Unidos se preparam para voltar à Lua. Com as mãos sobre a Bíblia, prestou juramento diante da vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris.

Durante a cerimônia na Casa Branca, também participaram o ex-administrador da agência espacial durante a presidência de Barack Obama, Charles Bolden, além de Jim Bridenstine, que ocupou o cargo durante o governo de Donald Trump, presente por meio de transmissão de vídeo. Nelson, de 78 anos, enfatizou a importância de "mostrar a continuidade, fora das linhas partidárias, com a qual deve-se liderar o programa espacial da nação, especialmente a Nasa".

"Uma nova era espacial está se abrindo", acrescentou, diante de um pedaço de rocha lunar. Nelson terá que gerenciar a Nasa em vários desafios importantes.

A agência está se preparando especialmente para retornar à Lua com seu Programa Artemis. O ambicioso programa, que prevê o retorno americano ao solo lunar em 2024, foi mantido até agora pelo governo de Joe Biden.

A Nasa também se volta cada vez mais para parcerias comerciais, que o novo administrador deverá impulsionar. O presidente Biden também informou o interesse em colocar a pesquisa sobre mudanças climáticas no centro das missões.

Eleito pela Flórida para a Câmara dos Representantes de 1979 a 1991, e depois para o Senado de 2001 a 2019, Nelson presidiu ou serviu em subcomissões parlamentares por muitos anos. Em 1986, ele voou a bordo do ônibus espacial Columbia para uma missão espacial de seis dias.

A astronauta americana Pamela Melroy ainda não foi confirmada pelo Senado dos Estados Unidos como administradora adjunta. Com histórico de piloto, ela é uma das duas mulheres a ter comandado uma nave para a Estação Espacial Internacional.

Neste fim de semana, Kamala Harris também foi nomeada líder do Conselho Nacional do Espaço, responsável por orientar as políticas espaciais do governo dos Estados Unidos. Este órgão foi relançado durante o governo Donald Trump, sendo também confiado ao vice-presidente, Mike Pence.

"Nos EUA, quando apontamos para a Lua, plantamos nossa bandeira lá. Tenho a honra de liderar nosso Conselho Nacional do Espaço", twittou Harris no sábado. "A vice-presidente é a pessoa ideal para liderar em nome do governo federal a política espacial, que é mais complexa, com muitas nações envolvidas", afirmou Nelson em nota.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895