A Fronteira-Oeste apresenta crescimento nos casos da Covid-19

A Fronteira-Oeste apresenta crescimento nos casos da Covid-19

O aumento geral foi de 9,71% em sete dias

Fred Marcovici

Uruguaiana teve aumento de 198 casos em uma semana

publicidade

A 10ª Coordenadoria Regional de Saúde (10ª CRS), com sede em Alegrete, divulgou nesta terça-feira o relatório de casos da Covid-19 nos municípios da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul, na área de abrangência do órgão. De acordo com a titular da CRS, Heili Temp, foram identificados 5.039 casos confirmados, em 11 cidades. Foi um avanço de 446 novas notificações se comparado com o levantamento da pandemia da última semana, além de 88 mortes desde o início dos registros do novo coronavírus na região. 

Em Uruguaiana, foram confirmados 1.399 casos, sendo 147 ativos, e 23 mortes. São 19 pacientes hospitalizados (8 em UTI) e 550 pessoas em isolamento domiciliar com síndrome gripal monitorada. Há 1.229 recuperados. O maior número de casos positivos da R03 e um aumento de 16,48%, índice ampliado em relação a Regional. O município testou 14.528 pessoas.

Na fronteira com o Uruguai, na cidade de Sant'Ana do Livramento, agora há 572 casos, sendo 18 ativos e cinco óbitos. São 542 recuperados. Quaraí confirmou 60 casos do vírus e quatro óbitos. Recuperados são 53. Em Alegrete, houve 7.572 testagens com 800 casos anotados, sendo 149 ativos, além de 17 óbitos computados. Há 345 pessoas em observação. Recuperados 634.

No município de Itaqui, o número ampliou-se para 646 registros, 48 casos ativos e oito óbitos. Em Rosário do Sul, 362 notificações e 35 exames em análise. Mantém-se o registro de dois óbitos anteriores. Recuperados 287. Em São Gabriel, o número confirmado da Covid-19 cresceu para 1.014, sendo cinco isolados em hospital e outros 39 em domicílio. Foram notificadas 25 mortes (sem registro há um mês). Houve a testagem de 8.334 pessoas. Recuperados 945.

Em Manoel Viana, há 46 casos positivos, incluem-se dois óbitos. A cidade de Santa Margarida do Sul apontou 26 casos do novo coronavírus, sem óbito. Em Barra do Quaraí, são 81 positivos, sendo um caso ativo e um registro de óbito. Maçambará apresentou 33 casos anotados, registrando o primeiro óbito pela doença. No plano estadual do distanciamento controlado, a região manteve a bandeira laranja.

A cidade de São Borja, também na fronteira, mas ligada a 12ª CRS de Santo Ângelo, somou1.005 casos positivos para Covid-19, 16 pessoas em isolamento hospitalar (1 CTI) e 191 domiciliar, 29 óbitos. Em toda a região, estão ocupados 81% dos 78 leitos de UTI existentes na R03. Por coronavírus são 18 internações na UTI, além de 30 leitos clínicos ativos.

Heili Temp insiste que o momento é de precaução e a indispensável necessidade de manter-se o distanciamento social, além de evitar aglomerações, permanecer em casa o possível, lavar as mãos, utilizar máscara facial e álcool em gel. "Sem vacinação não há uma solução viável", conclui.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895