Ato marca homenagem ao trabalhador, às vítimas da Covid-19 e pede por vacina em Esteio

Ato marca homenagem ao trabalhador, às vítimas da Covid-19 e pede por vacina em Esteio

Manifestação contou com o mínimo de servidores, respeitando restrições e distanciamento social

Fernanda Bassôa

Ato foi organizado pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Esteio

publicidade

Cruzes de madeira espalhadas em frente ao prédio da prefeitura de Esteio na tarde desta sexta-feira, com o nome de cada um dos colegas que morreu vítima da Covid-19 nestes últimos 12 meses, marcou o ato organizado pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Esteio (Sisme).

De acordo com a presidente do Sindicato, Graziela de Oliveira Neto, a ideia é homenagear o dia do Trabalhador, que se comemora neste sábado, sem esquecer o Dia Nacional da Educação e também os mais de 400 mil mortos pela Covid-19 no País.

“O Dia do Trabalhador é uma data significativa e histórica, pois travou lutas que definharam muitos dos direitos que temos hoje. A valorização do profissional é algo importante. As cruzes representam os 18 colegas que se foram por conta do coronavírus, os 400 mil mortos no País e as 312 vítimas só no nosso Município", disse. 

Grazi reforça que as aulas presenciais devem ser retomadas sob protocolos rígidos, testagens e protocolos anti-surtos. “Nosso ato também marca a reivindicação de vacina para todos.” A manifestação desta sexta contou com o mínimo de servidores, respeitando restrições e distanciamento social. 


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895