Balneário de Farroupilha será transformado em área de preservação ambiental
capa

Balneário de Farroupilha será transformado em área de preservação ambiental

Área possui cerca de 100 hectares de área verde

Por
Celso Sgorla

Estudo de espécies está sendo realizado na reserva

publicidade

Localizado a três quilômetros do centro da cidade de Farroupilha, o Balneário e Parque Santa Rita, formado por cerca de 100 hectares em meio a uma área verde, será transformado em uma unidade de conservação ambiental. O local, que pertence ao poder público municipal, foi por muitos anos cedido para a iniciativa privada e servia como espaço de lazer, com churrasqueiras ao ar livre, parque infantil e pedalinho.

Recentemente, a Prefeitura retomou a área e vai transformá-la em um local para a promoção da educação ambiental, conforme o secretário municipal do Meio Ambiente, Tiago Ilha. O trabalho de catalogação de espécies de animais e vegetais que a habitam o balneário já foi iniciado.

O secretário destaca que esse levantamento se dará através de análises, projetos e diagnósticos, entre outros elementos para verificar a extensão da unidade de uso sustentável. O objetivo também é averiguar se a área pode se enquadrar como ecossistema de banhado. Também deverá ocorrer uma audiência pública para debater quais tipos de atividades poderão ser desenvolvidas no balneário.

Conforme o prefeito Claiton Gonçalves, a reserva ainda será utilizada para o estudo da biodiversidade. A preocupação com o assunto por parte da administração municipal é antiga e o assunto é foco de diversos estudos. A área será protegida pela legislação brasileira e pertencente ao Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (Snuc).