Casco de plataforma está em obras em estaleiro chinês
capa

Casco de plataforma está em obras em estaleiro chinês

Projeto estava inicialmente previsto para estaleiro em Rio Grande, no Sul do Estado

Por
Angélica Silveira

publicidade

A Petrobras confirmou na terça-feira que o casco da plataforma P-71 está em obras no estaleiro chinês CIMC Raffles. O projeto estava previsto para o Estaleiro Rio Grande, no município de Rio Grande, no Sul do Estado, mas, em 2016, a empresa cancelou o contrato com a Ecovix. A Petrobras informou também que, no momento da licitação, não foram identificados no Brasil estaleiros com capacidade de atender à demanda de construção de um casco desse porte. “Com base no planejamento atual, há previsão de atendimento ao conteúdo local do contrato de concessão, e o casco tem previsão de entrega no fim de 2019”, diz o comunicado da estatal.

Segundo a Petrobras, a integração dos módulos da planta de processo no casco está prevista para ser feita no estaleiro Jurong, no Espírito Santo, onde também deverá ocorrer a construção de alguns módulos da plataforma. A direção do Sindicato dos Metalúrgicos de Rio Grande e São José do Norte disse lamentar que a construção da estrutura da P-71 não ficou na região Sul do Estado. De acordo com a entidade sindical, 60% do casco estaria pronto dentro do dique em Rio Grande, e a empresa tem a ideia de comercializar o material como sucata. 

A Petrobras confirmou a venda dos blocos já fabricados em Rio Grande como sucata. Em nota, a empresa explica que "por questões de ordem técnica e econômica, a alternativa de aproveitar os blocos já fabricados não é a que melhor atende aos interesses da Petrobrás e seus parceiros".