Cassada liminar que determinava a saída de famílias em área de São Borja

Cassada liminar que determinava a saída de famílias em área de São Borja

O documento decretava que moradores teriam até às 18h desta sexta-feira para deixar suas casas

Fred Marcovici

publicidade

A 19ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Porto Alegre, acolhendo os termos da contestação do advogado Christopher Belchior Goulart no caso vila Leonel Brizola, em São Borja, cassou a liminar que até então determinava a saída das famílias que vivem naquele espaço até às 18h desta sexta-feira. Agora o processo retorna à primeira instância e segue seu rito normal com a fundamentação de ambas as partes para julgamento de mérito. Enquanto isso, as famílias mantêm-se morando na Brizola, sem ameaça de despejo iminente.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895