Caxienses protestam contra morte de João Alberto Silveira Freitas

Caxienses protestam contra morte de João Alberto Silveira Freitas

Manifestantes portavam cartazes e faixas e fizeram pronunciamentos pedindo pelo fim do racismo

Celso Sgorla

Protesto contra morte de João Alberto em Caxias do Sul

publicidade

Integrantes de movimentos sociais e do movimento negro de Caxias do Sul realizaram na manhã deste sábado um protesto pela morte de João Alberto Silveira Freitas, espancado até a morte na quinta-feira à noite em uma unidade do Carrefour, na zona norte de Porto Alegre.

Os manifestantes portavam cartazes e faixas e fizeram pronunciamentos pedindo pelo fim do racismo, da violência e de mortes de pessoas negras. O ato seguiu pela Avenida Júlio de Castilhos até a Rua Garibaldi e retornou à praça pela Sinimbu.

A manifestação encerrou por volta de 11h30min. Também houve  protesto em frente da unidade do Carrefour em Caxias do Sul. A ação foi pacífica.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895