capa

Centro de Especialidades médicas inicia atendimentos em diversos municípios do Rio Grande do Sul

Encaminhamento de pacientes será via secretarias de Saúde das cidades de origem

Por
Correio do Povo

publicidade

Usuários de mais 12 municípios passarão a ter consultas e procedimentos a partir desta quarta-feira no Centro Regional de Especialidades Médicas (Crem), mantido pelo Consórcio Intermunicipal de Serviços do Vale do Rio Pardo (Cisvale) em Santa Cruz do Sul. O início do atendimento ocorre após a assinatura de convênio entre o Cisvale e o Consórcio Intermunicipal Vale do Jacuí (CI/Jacuí). A medida beneficiará os moradores de Arroio do Tigre, Caçapava do Sul, Cachoeira do Sul, Cerro Branco, Estrela Velha, Ibarama, Lagoa Bonita do Sul, Novo Cabrais, Passa Sete, Tunas, Segredo e Sobradinho.

A confirmação da parceria ocorreu em maio, na assembleia dos prefeitos que integram o Cisvale, durante a 15ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim), em Venâncio Aires. O diretor-executivo do CI/Jacuí, Vanoir Koehler, explica que vários fatores levaram o consórcio a buscar o convênio. “Santa Cruz do Sul é um centro relativamente próximo de todos os municípios do CI/Jacuí. Antes, os pacientes precisavam ser deslocados para Porto Alegre, Lajeado e outras cidades mais distantes para um atendimento em especialidades como psiquiatria, cardiologia, neurologia, odontologia e dermatologia. Agora, essa logística será facilitada”, afirma.

O encaminhamento dos pacientes será via Secretarias de Saúde dos municípios de origem. Koehler informou que em média 50 pessoas por mês serão encaminhados para Santa Cruz do Sul. O valor do convênio será pago de acordo com a demanda, conforme a quantidade de consultas e procedimentos realizados, com acréscimo de 10% em cada processo como taxa de manutenção. 

Com o aumento da abrangência, o Cisvale espera maior poder de barganha na busca por recursos com o Estado e a União, além de ampliar os serviços oferecidos. “É o reconhecimento da excelência dos serviços prestados pelo Cisvale, da qualidade dos atendimentos e da nossa eficiente organização. O convênio fortalecerá ainda mais o nosso consórcio”, avalia o presidente do Cisvale e prefeito de Pantano Grande, Cassio Nunes Soares. O acordo tem prazo de um ano, renovável conforme a necessidade.