Gravataí terá investimento de R$ 50 milhões nas áreas de Saúde e Mobilidade Urbana

Gravataí terá investimento de R$ 50 milhões nas áreas de Saúde e Mobilidade Urbana

Parte dos recursos será utilizado para a construção de quatro novas unidades de saúde

Correio do Povo

Prefeito Zaffa anunciou as melhorias nesta terça-feira

publicidade

Melhorias nas áreas da saúde e da mobilidade urbana de Gravataí foram anunciadas na tarde desta terça-feira, pelo prefeito Luiz Zaffalon, no ato de assinatura do contrato de financiamento entre a prefeitura e a Caixa Econômica Federal (CEF). O plano prevê investimentos de R$ 50 milhões ao longo de 2022. Parte do recurso será usado para a construção de quatro das dez novas unidades de saúde que serão erguidas no município nos próximos três anos. São elas: Itatiaia, Granville, Vila Branca e Erico Verissimo. Já na área de mobilidade, estão previstos o asfaltamento de diversas ruas dos bairros da cidade e a redefinição de vias urbanas para dar mais agilidade e eficiência para o transporte público do município, entre outras ações.

Segundo o prefeito Zaffa, a expectativa é investir, até o fim de 2024, pelo menos, R$ 200 milhões, entre recursos próprios e financiamentos, fruto das contas no azul. "Estamos podendo contrair financiamentos porque temos uma boa gestão de caixa. Vale lembrar que estas medidas são feitas de forma totalmente consciente e sem endividar o município, já que realizamos financiamentos de acordo com a realidade da nossa receita", disse. Zaffa ainda comentou que a maioria das obras que serão financiadas por este contrato já estão com projetos concluídos e com os processos de licitação em andamento. "Estas são duas áreas importantes que a cidade precisa para se modernizar e estar adequada a atender, cada vez melhor, a população. A saúde, por meio das novas unidades, e a mobilidade urbana que, não é só a malha viária, como também ciclovias e rotas acessíveis em calçadas", exemplificou o prefeito.

Além da construção das quatro novas unidades da saúde que fazem parte do programa municipal Qualifica Atenção Primária, também serão construídas uma nova base para o serviço Samu/Salvar e uma nova sede para a Farmácia Municipal. Segundo o secretário da Saúde, Régis Fonseca, neste primeiro momento, serão substituídas as estruturas destes serviços que são inadequadas e não possuem acessibilidade. Ao todo, serão construídas dez novas unidades de saúde nos próximos anos.

Já o secretário de Mobilidade Urbana, Adão de Castro, citou obras como a municipalização e a duplicação da ERS 030, no trecho da Prometeon até a proximidade da avenida Prefeito Acimar Silva, como uma das obras contempladas com essa verba. Além disso, devem ser realizadas melhorias na urbanização da avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, remodelação da estrada Vânius Abílio dos Santos, estrada do Gravataí, avenida Lino Estácio dos Santos e avenida Itacolomi, entre outras.

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895