Hospital Centenário reduz cirurgias eletivas em São Leopoldo

Hospital Centenário reduz cirurgias eletivas em São Leopoldo

Município definiu em decreto as atualizações para reduzir a circulação de pessoas

Stephany Sander

A decisão não afeta as cirurgias de emergência

publicidade

Através de uma live, no final da tarde desta terça-feira, o prefeito Ary Vanazzi de São Leopoldo, deu mais detalhes sobre o novo decreto que passa a valer a partir desta quarta-feira na cidade, seguindo as regras da bandeira preta do Distanciamento Controlado.

Com adaptações pontuais, o município definiu em decreto as atualizações para reduzir a circulação de pessoas e evitar o agravamento da pandemia na cidade. O toque de recolher será das 20h às 5h. Todos os setores devem seguir as regras de distanciamento e higienização, sendo obrigatório o uso de máscaras. 

Veja Também

A Prefeitura não terá atendimento externo e irá funcionar com 25% dos servidores, com atendimento online e teleagendamento. Apenas setores essenciais como as de saúde, segurança/trânsito, assistência social e fiscalização terão a totalidade dos servidores em serviço. O Hospital Centenário e o Serviço Municipal de Água e Esgoto (Semae) também atuam com 100% dos servidores.

Como definido pelo regramento estadual, bares e restaurantes e lancherias poderão atuar somente no sistema de tele entrega. A exceção são os comércios do Selo Estabelecimento Seguro que poderão atuar com lotação presencial de 25% da capacidade. Na indústria, está permitida até 75% do PPCI, regra também definida pelo Estado.

No setor da educação, o município também segue a norma estadual da bandeira preta, permitindo apenas a Educação Infantil, primeiro e segundo ano do Ensino Fundamental, com atendimento presencial. Deve ser respeitado o limite de distanciamento de 1,5 metros e 50% da capacidade. A rede municipal e estadual não terá aulas presenciais.

Já o público nas igrejas também está proibido, sendo permitido apenas o limite de seis pessoas para a captação de imagens nas transmissões onlines. O decreto permite apenas o atendimento espiritual individualizado.

Bancos e lotéricas podem atender apenas um cliente por vez. O município permitiu o comércio varejista e atacadista, adotando o limite de uma pessoa a cada 25 metros quadrados no varejo (ou duas pessoas quando for menor de 50 metros quadrados). E um cliente a cada 100 metros quadrados no comércio atacadista. Academias estão proibidas de funcionar, porém as que participam do Selo Estabelecimento Seguro podem atuar com 25% da capacidade do PPCI.

Ainda na tarde desta terça-feira, a direção do Hospital Centenário informou que será reduzido em 50% a realização de cirurgias eletivas. A decisão não afeta as cirurgias de emergência. Além disso, dois leitos de UTI Covid foram abertos como medida de urgência nesta terça-feira no Centenário, visando atender a demanda de novos casos graves da doença. Na Área Covid, com capacidade instalada para 18 leitos de tratamento intensivo, dois leitos clínicos foram equipados com respiradores para acolher dois novos paciente. Com a alteração, a taxa de ocupação na UTI Covid chega a 120% e enfermaria Covid, com 19 pacientes, 80% .


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895