Hospital de Santa Rosa recebe medicamentos da Turquia para tratar Covid-19

Hospital de Santa Rosa recebe medicamentos da Turquia para tratar Covid-19

Os medicamentos foram adquiridos a partir de uma licitação junto a Federação das Santas Casas do Estado

Felipe Dorneles

A estimativa é de que os medicamentos tenham a duração de pelo menos três meses

publicidade

O Hospital Vida & Saúde de Santa Rosa recebeu uma carga de medicamentos importados da Turquia. São anestésicos e relaxantes musculares que serão utilizados, principalmente, em pacientes com Covid-19 internados na UTI da Unidade Dom Bosco.

Os medicamentos foram adquiridos a partir de uma licitação junto a Federação das Santas Casas do Rio Grande do Sul. O objetivo foi encontrar uma solução para a pouca oferta de medicamentos, preços altos e muita demanda. Na casa de saúde, diversos medicamentos chegaram ao nível crítico, quando o estoque tem durabilidade de poucos dias, o que exigiu o estabelecimento de novos protocolos, a partir de um trabalho comprometido das equipes médicas.

Os medicamentos comprados na Turquia são oito mil ampolas de Rocurônio, utilizado durante os procedimentos de intubação, e cinco mil ampolas de Propofol, indicado para indução e manutenção de anestesia geral. A estimativa é de que os medicamentos tenham a duração de pelo menos três meses, podendo variar de acordo com as taxas de ocupação da UTI. "Está sendo um cenário muito difícil, mas não temos medido esforços para manter os atendimentos, com a devida atenção, qualidade e segurança que a comunidade merece”, ressalta a diretora-geral, Vanderli de Barros. Ela revela que alguns medicamentos tiveram aumento de 200% no preço.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895