Montenegro realiza campanha para descarte correto de máscaras não reutilizáveis

Montenegro realiza campanha para descarte correto de máscaras não reutilizáveis

Sacos de lixo que contenham as máscaras devem ser identificados

Stephany Sander

Os sacos de lixo devem ser identificados com um círculo com um X no meio

publicidade

A Prefeitura de Montenegro lançou uma campanha para o descarte correto das máscaras de proteção ao Covid-19 que não são reutilizáveis. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente orienta que a população identifique um círculo preto e um X no meio os sacos de lixos com os itens. Além disso, é recomendado borrifar a sacola com desinfetante para evitar a contaminação.

"Quando a pessoa estiver fora de casa, as máscaras usadas não devem ser colocadas nas lixeiras das ruas, pois deixam o material potencialmente contaminado exposto aos catadores de resíduos sólidos. A recomendação é guardá-las em um saco plástico e colocá-las no lixo do banheiro ao chegar em casa", complementa o secretário Adriano Chagas.

Ainda segundo ele, as máscaras de tecidos reutilizáveis podem ser usadas enquanto o tecido e os elásticos estiverem íntegros e ao sinal de desgaste, devem ser descartadas da mesma maneira que as outras. A orientação para a limpeza das máscaras reutilizáveis, após cada uso, é deixar de molho por 30 minutos em uma solução de uma parte de água sanitária para 50 partes de água potável, por exemplo, 10 ml de água sanitária para 500 ml de água.

Depois, lavá-las normalmente com água e sabão e por fim, após estiverem secas, passar com o ferro antes do uso.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895