Para conter vandalismo, São Leopoldo terá sistema de alarmes de prédios e espaços públicos
capa

Para conter vandalismo, São Leopoldo terá sistema de alarmes de prédios e espaços públicos

Prefeitura estima mais de R$ 350 mil em reparos e compras de novos itens neste ano

Por
Stephany Sander

Aliado a isso, será feito um reforço nas ações de manutenção das câmeras de vigilância da cidade, junto com a qualificação da rede fibra ótica do sistema

publicidade

A Prefeitura de São Leopoldo anunciou nesta sexta-feira medidas de segurança para combater atos de vandalismo, que já provocaram mais de R$ 350 mil em reparos e compras de novos itens, como no caso das lâmpadas de LED danificadas na Av. Mauá. O secretário de Segurança Pública e Defesa Comuntária, Carlos Sant'ana, revelou a conclusão do sistema de alarmes de prédios e espaços públicos, incluindo as Unidades Básicas de Saúde, em um prazo de 50 dias.

"Com essa conclusão, vamos organizar melhor a vigilância com os agentes da Guarda Municipal em prédio públicos, juntamente com uma ronda noturna que será ampliada pois teremos 60% a mais de combustível para que os guardas circulem a noite", explica. Aliado a isso, será feito um reforço nas ações de manutenção das câmeras de vigilância da cidade, junto com a qualificação da rede fibra ótica do sistema.

Além disso, a Prefeitura de São Leopoldo lançou um canal exclusivo para denúncias de atos de vandalismo, através do WhatsApp 9933-83222, que funcionará 24 horas por dia, além do contato 153, onde é possível acionar a Guarda Municipal. "Fomos surpreendidos, nos últimos 20 dias, pelos altos índices de vandalismos na nossa cidade que estão gerando altos custos. Teremos que tirar recursos de outras secretarias para repôr estes gastos", disse o prefeito Ary Vanazzi, citando o dano ao chafariz da Praça Tiradentes e o roubo de ração do Canil Municipal.