RGE ampliará em 50% a capacidade de subestação em Santa Cruz do Sul
capa

RGE ampliará em 50% a capacidade de subestação em Santa Cruz do Sul

Ao menos 20 mil clientes irão se beneficiar com modernização de estrutura

Por
Otto Tesche

O investimento total será de R$ 3 milhões e obra deve ser concluída até abril de 2020

publicidade

A distribuidora de energia Rio Grande Energia (RGE) ampliará em 50% a capacidade energética de Santa Cruz do Sul e região com o início das obras de modernização na Subestação Santa Cruz 2, no bairro Avenida. O investimento total será de R$ 3 milhões e a previsão é de que as obras sejam concluídas até abril de 2020. A melhoria está prevista no Planejamento Estratégico da empresa para auxiliar o desenvolvimento de cidades que são polos regionais.

A ampliação da subestação, além do aumento da capacidade instalada, reforçará o sistema elétrico da região e garantirá mais robustez em manobras de transferência de carga em caso de contingências. Atualmente, além de Santa Cruz do Sul, os municípios de Vera Cruz e Passo do Sobrado dependem, direta ou indiretamente, da Subestação Santa Cruz 2.

O gerente de Engenharia da RGE, Roberto Pressi, informou que a obra de modernização serve para melhorar ainda mais os níveis de atendimento aos clientes da região. “Ao todo, pelo menos 20 mil clientes se beneficiarão, direta ou indiretamente desta obra de melhoria, garantindo o fornecimento inclusive para demandas maiores no futuro”, ressalta Pressi.

A ampliação da capacidade da Subestação Santa Cruz 2 se deve à instalação de um novo transformador de 37,5 MVA, além da substituição de outros equipamentos mais antigos por componentes novos, modernos e tecnológicos. Além da Subestação Santa Cruz 2, o município e a região ainda são atendidos pelas subestações Santa Cruz 1, Santa Cruz 3 e Sinimbu.