Três Cachoeiras decreta situação de emergência pelos estragos do ciclone Yakecan

Três Cachoeiras decreta situação de emergência pelos estragos do ciclone Yakecan

Conforme a prefeitura, o ciclone afetou cerca de 70 casas, além da queda do Ginásio Municipal

Correio do Povo

publicidade

Um dos municípios que mais sofreram com a passagem do ciclone Yakecan, Três Cachoeiras decretou situação de emergência nesta quinta-feira. As rajadas com mais de 100 km/h no município por volta das 20h da última terça e seguiram até a manhã de quarta, causando danos na infraestrutura geral de residências, comércios, indústrias e prédios públicos.

Conforme a prefeitura, o ciclone afetou cerca de 70 casas, a queda do Ginásio Municipal, de postes e de árvores. No meio rural, o fenômeno provocou o destelhamento de galpões e estufas. A comunidade de Fernando Ferrari foi uma das mais atingidas.

Em todo o Estado, 27,5 mil mil clientes ainda permanecem sem luz. A área de concessão da CEEE Grupo Equatorial são 25 mil com interrupção de luz, principalmente no Litoral Norte, Litoral Sul, além da Região Metropolitana de Porto Alegre, Sul, Centro-Sul e Campanha do Estado. 

Já na região de concessão da RGE, são 2,5 mil sem luz. As principais causas das interrupções, segundo a empresa, são danos na rede provocados por galhos e objetos arremessados pelo vento sobre fios e outros equipamentos.

 

 


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895