Uruguaiana avalia o período e os resultados do coronavírus no município

Uruguaiana avalia o período e os resultados do coronavírus no município

Secretaria da Saúde considera os resultados aceitáveis

Fred Marcovici

publicidade

A Secretaria da Saúde de Uruguaiana, avaliou nesta segunda-feira, os aspectos que contribuem para que Uruguaiana tenha resultados considerados aceitáveis no combate à Covid-19. Segundo o secretário-adjunto da pasta, o cardiologista José Luiz Saldanha, o isolamento social antecipado impediu que a doença chegasse ao município, quando o trânsito de pessoas ainda era normal no restante da região. Uruguaiana foi a primeira cidade do RS a exigir o uso de máscaras em lugares fechados e orientar também o uso nas ruas.

Três centros de triagem foram montados para atender especificamente os casos de suspeita do novo coronavírus. Desde janeiro último, os profissionais da Santa Casa e da Secretaria de Saúde vêm participando de cursos de especialização para o combate à doença. Postos de identificação e triagem foram instalados na Estação Rodoviária e no Porto Seco Rodoviário, para monitorar o ingresso de novas pessoas na cidade. A Prefeitura, por meio da websérie Capacita Covid-19, programa informativo disponível no site, contando com instruções de comportamento e saúde, vem orientando os empresários e funcionários do comércio sobre o retorno consciente e responsável das atividades.

Com o apoio de empresas privadas e do Exército Brasileiro, lugares estratégicos vêm sendo sanitizados, a exemplo da Rodoviária e Terminal de Transporte Coletivo Urbano. Os quatro casos registrados por Uruguaiana, por análise do Laboratório Central do Estado (Lacen) ou pelo processo de testagem rápida, foram curados. Hoje, não há nenhum exame na fila de espera e as pessoas que estão em isolamento domiciliar, pelo menos 40, vêm sendo acompanhadas pelas equipes da Saúde e passam bem.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895