Com foco em inovação e tecnologia, 17º Congresso da Federasul é realizado em Porto Alegre

Com foco em inovação e tecnologia, 17º Congresso da Federasul é realizado em Porto Alegre

Durante encontro, entidade anunciou o lançamento da plataforma 4.0, uma ferramenta que vai unir as mais de 170 filiadas

Felipe Samuel

Durante encontro, entidade anunciou o lançamento da plataforma 4.0, uma ferramenta que vai unir as mais de 170 filiadas

publicidade

As transformações provocadas nos negócios pela pandemia do novo coronavírus e a necessidade de projetar o futuro das empresas em meio às mudanças no cenário econômico foram alguns dos temas abordados por especialistas durante o 17º Congresso da Federasul, realizado nesta segunda-feira, no Instituto Caldeira, no bairro Navegantes de Porto Alegre. Com o tema Inovação: o futuro é agora, o presidente da Federasul, Anderson Trautman Cardoso, abriu o encontro e anunciou o lançamento da plataforma 4.0, uma ferramenta que vai unir as mais de 170 filiadas com a entidade, e a campanha dos 95 anos da entidade.

Na avaliação de Cardoso, o mundo atual é diferente do que era antes da pandemia da Covid-19, com impacto na sociedade. Ele sustenta que a recuperação econômica pós-pandemia passará pela transformação digital e pela inovação, no que deve marcar o século XXI como a Era digital.

"Essa equação ganhou velocidade exponencial, extraordinária, nos últimos anos, especialmente com o avanço de tecnologias de comunicação", sustenta. Ao citar dados de estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV), em julho deste ano, Cardoso afirma que as vendas online representaram 21,2% de toda a receita de vendas do comércio. 

Cardoso ressalta a importância da inovação nos negócios, centrada especialmente nas pessoas e colocando o consumidor no centro de suas ações. "Antes da pandemia, esse percentual era de 9,2%. Isso quer dizer que a fatia que o e-commerce obteve em menos de 2 anos é maior do que o mesmo avanço dos cerca de 20 anos anteriores", compara. E reforça que num mundo em constante movimento, é essencial analisar cenários, identificar tendências e antecipar-se a elas. "É essencial inovar, construir caminhos", completa.

Ao explicar o funcionamento da nova plataforma de negócios da Federasul, Cardoso destaca que o objetivo é conectar empreendedores, fomentar a colaboração e o crescimento mútuo, além de estimular a geração de novos negócios e impulsionar a economia do Rio Grande do Sul. "Não queremos ficar apenas no discurso da inovação. Uma das formas de fazer isso, concretamente, é promovendo a transformação digital da própria entidade. Para tanto, além da digitalização de processos internos, desenvolvemos uma plataforma que permitirá tanto novas interações com nossas filiadas como a integração de ecossistemas regionais de inovação", afirma.

Entre os palestrantes do evento estavam Ricardo Geromel, analista da 3G Radar, empresa de investimentos independente fundada em 2013; Salim Mattar, que fundou a Localiza em 1973, uma empresa que, em 2017, faturou mais de R$ 6 bilhões e é uma das companhias do setor mais valiosas do mundo; Fabio Rua, que é diretor de Relações Governamentais e Assuntos Regulatórios da IBM América Latina, entre outros.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895