França critica atitude "intransigente e irreal" do Reino Unido em negociações do Brexit

França critica atitude "intransigente e irreal" do Reino Unido em negociações do Brexit

Declarações foram feitas pelo ministro de Relações Exteriores do país, Jean-Yves Le Drian

AFP e AE

Ele falou em discurso a embaixadores franceses em países europeus

publicidade

O ministro de Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, criticou nesta segunda-feira o Reino Unido por sua postura "intransigente e irrealista" nas negociações sobre um acordo comercial pós-Brexit com a União Europeia (UE). Os dois lados concluíram sua última rodada de conversas no dia 21, sem progressos aparentes. "As negociações não estão avançando por causa de uma atitude intransigente e, sejamos francos, irrealista do Reino Unido", afirmou em discurso para embaixadores franceses de países europeus.

Le Drian falou ao lado do ministro alemão de mesma pasta, Heiko Maas. UE e Reino Unido trocam acusações pela falta de progressos nas negociações para alcançar um acordo sobre sua relação pós-Brexit, que deveria entrar em vigor no dia 1 de janeiro de 2021. As negociações estão paralisadas pelas condições de concorrência (normas sociais, ambientais, fiscais e ajudas estatais). A UE se recusa a ter em suas portas um vizinho com uma economia sem regulamentação.

Além disso, persistem as divergências sobre a questão da pesca, essencial para muitos países europeus, sobretudo a França, enquanto o Reino Unido quer recuperar o controle sobre suas zonas pesqueiras. O tempo é cada vez mais curto desde o divórcio em 31 de janeiro entre Reino Unido e UE. As partes devem concluir um acordo no mais tardar em outubro, para que os Parlamentos tenham tempo de ratificar o texto antes do fim do período de transição, e que entre em vigor em 1 de janeiro de 2021.

 

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895