Inflação na porta de fábrica tem maior alta da história em fevereiro, aponta IBGE

Inflação na porta de fábrica tem maior alta da história em fevereiro, aponta IBGE

Salto de 5,2% do Índice de Preços ao Produtor foi guiada pelos preços de indústrias extrativas (27,9%) e refino de petróleo (12%)

R7

Preços ao produtor acumulam alta de 28,6% em 12 meses

publicidade

Os preços dos produtos da indústria subiram 5,22% em fevereiro, segundo dados divulgados nesta terça-feira, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Trata-se da maior alta da série histórica, iniciada em janeiro de 2014.

No acumulado no ano até fevereiro, o IPP (Índice de Preços ao Produtor) atingiu 8,95%, o maior patamar da série para esse período e superando o maior acumulado anterior (1,83%), de fevereiro de 2014. O acumulado em 12 meses (28,58%) também foi recorde.

Veja Também

As quatro maiores variações do índice em fevereiro foram nas atividades de indústrias extrativas (27,91%), refino de petróleo e produtos de álcool (12,12%), outros produtos químicos (9,69%) e metalurgia (8,35%).

O IPP mede os preços de produtos “na porta de fábrica”, sem impostos e fretes, e abrange as grandes categorias econômicas: bens de capital, bens intermediários e bens de consumo (duráveis, semiduráveis e não duráveis).


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895