Quatro entre oito atividades do varejo crescem em julho ante julho de 2020

Quatro entre oito atividades do varejo crescem em julho ante julho de 2020

Na média global, o comércio varejista teve alta de 5,7%

AE

Setor de Tecido foi o que mais cresceu neste ano

publicidade

Quatro das oito atividades que integram o varejo registraram avanços em julho de 2021 ante julho de 2020. Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio e foram divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na média global, o comércio varejista teve alta de 5,7%, ainda impulsionado pela base de comparação baixa, já que a economia permanecia sob forte impacto da crise sanitária nessa mesma época do ano passado, afirmou Cristiano Santos, gerente da pesquisa do IBGE.

Houve avanços nos setores de Tecidos, vestuário e calçados (42,0%), Outros artigos de uso pessoal e doméstico (36,8%), Combustíveis e lubrificantes (6,4%) e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (4,8%).

Os recuos ocorreram em Livros, jornais, revistas e papelaria (-23,2%), Móveis e eletrodomésticos (-12,0%), Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (-5,6%) e Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (-1,8%).

No varejo ampliado, que inclui os segmentos de veículos e material de construção, as vendas subiram 7,1% em julho deste ano ante julho do ano passado. O segmento de veículos cresceu 18,0%, enquanto material de construção recuou 4,7%.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895