WhatsApp Pay começa a funcionar no Brasil

WhatsApp Pay começa a funcionar no Brasil

Usuários poderão enviar até R$ 1 mil por transação e receber 20 transações por dia, com um limite de R$ 5 mil por mês

AE

WhatsApp Pay utiliza uma ferramenta da empresa-mãe, o Facebook Pay, para realizar as transações pelo app

publicidade

O WhatsApp anunciou ontem que pessoas físicas poderão transferir dinheiro por meio do app de mensagens, sem a cobrança de taxas. O recurso, chamado de WhatsApp Pay, começa a ser implementado gradualmente entre os usuários da plataforma nas próximas semanas. O serviço recebeu aval do Banco Central (BC) em 30 de março.

O serviço estará disponível para clientes com cartões de débito, pré-pago ou combo das seguintes instituições financeiras: Banco do Brasil, Banco Inter, Bradesco, Itaú, Mercado Pago, Next, Nubank, Sicredi e Woop Sicredi, com as bandeiras Visa e Mastercard. Operado pela Cielo, o modelo segue aberto para outras empresas interessadas em se tornar parceiras. Cartões de crédito não foram contemplados.

Os usuários poderão enviar até R$ 1 mil por transação e receber 20 transações por dia, com um limite de R$ 5 mil por mês. Os bancos parceiros podem estabelecer um limite menor para transações. Para usar o WhatsApp Pay, é preciso que o brasileiro tenha número de telefone cadastrado no País para que as transações em moeda local sejam autorizadas.

O WhatsApp Pay utiliza uma ferramenta da empresa-mãe, o Facebook Pay, para realizar as transações pelo app. Com isso, as transferências são protegidas com senha ou biometria.

Neste momento, apenas alguns usuários poderão utilizar o recurso e o restante vai receber a ferramenta gradativamente. Porém, se uma conta estiver com o pagamento habilitado, ela pode convidar parentes e amigos para a transação financeira - eles vão estar aptos para utilizar a ferramenta.

Para fazer um pagamento, é necessário usar cartão de débito ou pré-pago e clicar no contato e escolher a opção para adicionar a transição. O recebedor terá o dinheiro na conta na hora.

O presidente executivo do Facebook (dono do WhatsApp), Mark Zuckerberg, comemorou em vídeo o lançamento da plataforma no País e disse que o Brasil é um dos primeiros países a receber a novidade: "Sabemos o quanto o WhatsApp é importante para o Brasil", disse.

"Ouvimos dos consumidores locais que segurança é um ponto importante quando pensam em enviar pagamentos móveis. Esse atributo também é valorizado na Visa e nossa tecnologia de Token reforça a segurança," disse Fernando Teles, chefe regional da Visa do Brasil.

A Mastercard também afirmou que a ferramenta chega para acelerar as transações financeiras no País. "A parceria com o Facebook ilustra nossa capacidade de oferecer maneiras inovadoras de enviar e receber dinheiro", diz João Pedro Paro Neto, presidente da Mastercard para o Brasil e Cone Sul.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895