capa

Bombas de efeito moral são arremessadas durante protesto em frente à Ufrgs em Porto Alegre

Manifestantes realizam ato contra os cortes nos recursos da Educação

Por
Correio do Povo

Bombas de efeito moral foram usadas em manifestação de estudantes em Porto Alegre

publicidade

Um ato em frente à Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), em Porto Alegre, teve um princípio de tumulto no começo da tarde desta quarta-feira. Bombas de efeito moral foram arremessadas pelo Pelotão de Operações Especiais (POE) do 9º Batalhão da Brigada Militar (BM) em uma manifestação que é realizada contra os cortes nos recursos federais da Educação. 

• Escolas estaduais de Porto Alegre amanhecem fechadas antes de mobilização contra cortes na Educação 

• Escolas estaduais aderem ao protesto em Caxias do Sul

De acordo com informações da organização do movimento, os estudantes realizavam uma panfletagem no local e a caminhada do ato foi interrompida pela intervenção do POE. Nesta tarde, antes da grande mobilização das 18h, um abraço simbólico será feito na Faculdade de Educação.

Pouco depois das 13h, integrantes da manifestação se reuniram em torno da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) para abraçar a instituição. A iniciativa ganhou apoio de motoristas que passaram pela rua Sarmento Leite.  

A manifestação na UFSCPA irá se unir a um ato único no fim da tarde. Até lá, alunos irão manter a mobilização dentro do campus. Na Ufrgs, também há grande concentração de alunos no campus preparando a caminhada.