Governo suspende expediente presencial em escolas do Rio Grande do Sul

Governo suspende expediente presencial em escolas do Rio Grande do Sul

Executivo considera urgente a necessidade de evitar aglomerações por conta do novo coronavírus

Por
Correio do Povo

Governo do Estado suspendeu expediente presencial em escolas do RS


publicidade

Devido à necessidade considerada "urgente" pelo governo do Rio Grande do Sul em coibir aglomerações por conta do avanço do novo coronavírus, o Executivo emitiu nesta segunda-feira um memorando em que suspende o expediente presencial em escolas do Estado. O período da suspensão começa hoje e vai até o dia 3 de abril. 

De acordo com o documento, a suspensão diz respeito também à Secretaria de Educação, às Coordenadorias Regionais. A orientação é para que os servidores públicos que atuam nesses locais e nas escolas passem a desempenhar as suas atribuições de maneira domiciliar, ficando à disposição de uma eventual convocação. 

Conforme o memorando, aos estudantes serão garantidos os dias letivos durante o período de suspensão das aulas presenciais mediante a utilização da metodologia de aulas programadas, conforme orientações pedagógicas já definidas pelo Departamento de Educação no Plano de Ação. 

Durante o período de trabalho domiciliar, os professores participarão de curso on-line sobre currículo disponibilizado no Portal da Educação / Seduc como atividade obrigatória, cabendo às Coordenadorias a orientação e monitoramento. 


No que diz respeito à alimentação escolar, a escolas ficarão responsáveis pelo atendimento em casos de alta vulnerabilidade social.