Senado aprova adiamento do Enem

Senado aprova adiamento do Enem

Devido à pandemia do novo coronavírus, senadores decidiram que o exame terá novas datas em caso de calamidade pública. Texto segue para a Câmara

Decisão acata parecer do MPF sobre inconstitucionalidade de manutenção do Exame


publicidade

O Senado Federal aprovou nesta terça-feira (19) o adiamento do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) devido a pandemia do novo coronavírus.

A proposta foi apresentada pela senadora Daniella Ribeiro (PP-PB) e seguirá para a Câmara e poderá sofrer alterações.

No texto do PL (Projeto de Lei) 1.277/2020, a senadora pede a prorrogação automática de prazos para provas, exames e demais atividades para acesso ao ensino superior sempre que houver reconhecimento de estado de calamidade pelo Congresso Nacional ou de comprometimento do funcionamento regular das instituições de ensino do País.


Pelo calendário atual, os estudantes têm até sexta-feira (22) para fazer a inscrição para as provas. O Enem tradicional em papel seria aplicado nos dias 1º e 8 de novembro e as provas digitais nos dias 22 e 29 do mesmo mês.