Ufrgs prorroga suspensão de aulas presenciais até julho de 2021

Ufrgs prorroga suspensão de aulas presenciais até julho de 2021

Documento prevê, no entanto, retorno restrito de algumas atividades presenciais de natureza técnica ou administrativa

Correio do Povo

Portaria vale até 30 de junho

publicidade

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) publicou, nesta segunda-feira, uma portaria que prorroga até 30 de junho a suspensão das atividades presenciais em seus campus. Com isso, o calendário acadêmico segue no modelo remoto até que uma nova portaria seja publicada.

O documento divulgado hoje reconhece, no entanto, em caráter excepcional, o retorno restrito de algumas atividades presenciais de natureza técnica ou administrativa que atendam às diretrizes específicas divulgadas pelo Comitê Covid Ufrgs.

A portaria também autoriza atividades presenciais relativas a estágios e prática profissional em serviços de saúde, à finalização de pesquisas em andamento que envolvam seres vivos, bem como daquelas concernentes a pesquisas relacionadas ao coronavírus, e ainda, atividades identificadas como indispensáveis, emergenciais ou urgentes relacionadas à manutenção das atividades essenciais. O mesmo vale àquelas de preservação da vida funcional e acadêmica dos servidores e discentes, bem como as que sejam necessárias para o suporte do modelo de retorno presencial restrito.

De acordo com o calendário acadêmico publicado pela Ufrgs, as aulas do primeiro semestre letivo começam no dia 2 de agosto e seguem até dia 4 de dezembro. E o segundo semestre letivo será entre 17 de janeiro a 18 de maio de 2022.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895