Ato homenageia profissionais da saúde que perderam a vida no combate à Covid-19

Ato homenageia profissionais da saúde que perderam a vida no combate à Covid-19

Evento simbólico, organizado por entidades ligadas à saúde, marca o Dia Internacional da Mulher

Sidney de Jesus

Ato simbólico foi realizado no Largo Glênio Peres

publicidade

Exibindo cruzes e cartazes pedindo “Vacina e Lockdown Já”, profissionais da saúde de Porto Alegre realizaram, na manhã desta segunda-feira, um ato simbólico em memória das trabalhadoras da saúde que ajudaram a salvar muitos pacientes da Covid-19, mas também acabaram entre as vítimas da doença. Durante a manifestação, que ocorreu no Largo Glênio Peres, no Centro Histórico,  foram expostos alguns nomes de médicas, enfermeiras, técnicas de enfermagem, entre outras profissionais que atuaram na linha de frente no combate ao coronavírus e perderam suas vidas, além de homenagens com coroas de flores e a apresentação de um saxofonista. O ato simbólico ocorreu para marcar o Dia Internacional da Mulher.

“Essa é uma justa homenagem a todas trabalhadoras da saúde que não mediram esforços para salvar vidas no combate à pandemia, mas que infelizmente acabaram morrendo pela Covid-19”, afirmou o presidente do Sindisaúde-RS, Julio Cesar Jesien. Ele destacou que o ato simbólico teve o objetivo também de conscientizar as pessoas sobre a importância do cumprimento dos protocolos de prevenção à doença, como uso de máscara e de álcool em gel. “Todos que puderem devem permanecer em suas casas, sem exposição ao vírus. Essa doença não é brincadeira”, afirmou presidente do Sindisaúde-RS, lembrando que as profissionais da saúde mortas pelo novo coronavírus vão ficar para sempre na memória como heroínas. 

“Vi muitos colegas perderem a vida ao cuidarem da população com Covid-19. Eles se dedicaram a salvar essas pessoas em detrimento da própria saúde”, afirmou a técnica de enfermagem do Hospital Conceição, Claudete Miranda, que destacou que o ato foi uma forma de prestar solidariedade às famílias das profissionais da saúde que morreram para combater a pandemia. 

A diretoria do Sindisaúde-RS destaca que os nomes expostos não corresponderam a todas as trabalhadoras da base sindical que faleceram pela Covid-19. O Coren-RS têm os nomes de todas trabalhadoras da enfermagem que faleceram por Covid-19. O Sindisaúde-RS, porém, representa trabalhadores de nível médio e técnico em geral, portanto, abrangendo muitas categorias profissionais.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895