Ato pede mudanças na lei do desarmamento em Porto Alegre
capa

Ato pede mudanças na lei do desarmamento em Porto Alegre

Manifestação contou com participação de vereadores da Capital

Por
Correio do Povo

Ato reuniu dezenas de pessoas no Parcão

publicidade

Dezenas de pessoas foram ao Parcão na tarde deste domingo participar de ato pelo fim do desarmamento. Intitulada de “Armas pela Vida”, a manifestação contou com apoio de alguns vereadores de Porto Alegre, que foram até o local para discursar em favor da possibilidade de armamento da população.

Na semana passada, seis vereadores da Capital haviam se manifestado a favor da campanha: Valter Nagelstein (PMDB), Monica Leal (PP), Comandante Nádia Mendes (PMDB), Wambert Di Lorenzo (PROS) e Felipe Camozzato (NOVO). “A arma é o que mais iguala as pessoas”, disse a vereadora Comandante Nádia, neste domingo. “A arma é a extensão do indivíduo livre”, complementou Camozzato. “Vamos defender o nosso direito de defender e o nosso slogan que faz todo o sentido: armas pela vida”, discursou Wambert, no Parcão.

Postagens na página do evento no Facebook respaldam a candidatura de Jair Bolsonaro ao Planalto no ano que vem. O filho do deputado federal, Eduardo Bolsonaro, compareceu ao evento como convidado.