Brasil passa da marca de 390 mil vidas perdidas para a Covid-19

Brasil passa da marca de 390 mil vidas perdidas para a Covid-19

Com 1.305 novos registros de óbitos neste domingo, país vê média móvel de casos e mortes cair, porém ainda em patamares altos

R7

Brasil superou as 390 mil mortes para a Covid-19

publicidade

O Brasil registrou, neste domingo, 1.305 mortes por Covid-19 e 32.572 novas infecções pela doença, segundo dados enviados pelos estados ao Ministério da Saúde e ao Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Com o novo balanço, o país totaliza 390.797 mortes e 14.340.787 pessoas diagnosticadas com a doença.

A média móvel diária, considerando os últimos sete dias, de novos infectados está em 56,8 mil, e a de mortes em 2.495, ambas em queda, mas ainda acima do que era normalmente registrado até fevereiro, antes da nova onda da doença.

De acordo com o Vacinômetro do R7, 29.002.762 pessoas receberam a primeira dose das vacinas contra a Covid-19 no país, o que corresponde a 13,7% da população, sendo que 12.542.302 já receberam a segunda dose e estão completamente imunizadas, o equivalente a 5,92%.

No RS, conforme dados da Secretaria Estadual da Saúde, a primeira dose já foi aplicada em 2.070.583 pessoas, enquanto a segunda chegou ao braço de 666.273. Em Porto Alegre, a campanha nesta semana segue para o público que tenha idade a partir de 60 anos.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895