Centenas de pessoas se despedem de jogador do Passo Fundo Futsal
capa

Centenas de pessoas se despedem de jogador do Passo Fundo Futsal

Considerado craque do time, Pablo Radaeli, de 22 anos, morreu em acidente com o ônibus da equipe

Por
Henrique Massaro

Quadra onde o craque deu tantas alegrias se tornou símbolo de comoção para familiares, companheiros e torcedores

publicidade

Cerca de 200 pessoas, entre amigos, familiares e colegas do Passo Fundo Futsal, se despediram do jogador Pablo Radaeli, de 22 anos, morto no acidente com o ônibus da equipe ocorrido na madrugada de domingo.

O corpo do atleta chegou ao ginásio Capingui por volta das 23h30min, quando dezenas de pessoas se somavam ao público que circulou pelo local ao longo de todo o dia. Assim como havia ocorrido na chegada da delegação, no fim da tarde, familiares, atletas e torcedores aplaudiram fortemente. Foi o momento de maior comoção do triste domingo em Passo Fundo.

 

Depois das primeiras orações junto à familiares emocionados, jogadores e comissão técnica se aproximaram para se despedir do artilheiro da equipe na temporada. Em seguida, a torcida e o público que foram ao local começaram a descer das arquibancadas para prestar as últimas homenagens ao craque. 

• Morte do jogador comove a cidade e os atletas

O corpo foi velado no ginásio Capingui por cerca de uma hora e meia. Por volta da 1h, o caixão deixou o local para ser transportado para Novo Hamburgo. No município de onde Radaeli era natural, o velório está marcado para a manhã desta segunda-feira na Funerária Krause, sala B. A cerimônia de cremação deve ocorrer às 16h desta segunda-feira.