Chuvas torrenciais no Japão deixam ao menos 34 mortos

Chuvas torrenciais no Japão deixam ao menos 34 mortos

Uma dezena de pessoas estão desaparecidas devido a esses desastres que levaram as autoridades a dar a ordem de evacuação para mais de 200 mil pessoas

AFP

Mais de 2000 mil pessoas tiveram que ser evacuadas

publicidade

Pelo menos 34 pessoas morreram e outras 14 estão desaparecidas no Japão devido às inundações e deslizamentos de terra provocados pelas chuvas torrenciais, informaram as autoridades neste domingo. O governo da região de Kumamoto, localizada na ilha de Kyushu – no sudoeste – confirmou 18 mortos, enquanto outros 16 estão em "parada cardiorrespiratória", um termo geralmente utilizado para anunciar a morte de uma pessoa antes que seja oficialmente confirmada pelos médicos.

Entre elas, figuram 14 pessoas de um lar de idosos inundado no sábado delo transbordamento de um rio próximo. As autoridades da região e dos municípios afetados pela catástrofe não puderam confirmar neste domingo as mortes relatadas pela imprensa.

Uma dezena de pessoas estão desaparecidas devido a esses desastres que levaram as autoridades a dar a ordem de evacuação para mais de 200 mil pessoas. Neste domingo, as chuvas haviam diminuído em Kumamoto mas muitos habitantes da região continuam isolados pelos danos provocados pelas chuvas torrenciais.

 

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895