Cinco cidades têm novas mortes por Covid-19, e número vai a 232 no RS

Cinco cidades têm novas mortes por Covid-19, e número vai a 232 no RS

Somente o município de Paverama registrou três mortes em 24 horas

Por
Correio do Povo

Cinco cidades têm novas mortes por Covid-19, e número vai a 232 no RS

publicidade

Cinco cidades do Estado registraram até o final desse domingo novas mortes relacionadas ao novo coronavírus. Foram sete fatalidades confirmadas por prefeituras ou secretarias municipais de Saúde, elevando o número de óbitos pela doença para 232 no Rio Grande do Sul. São Leopoldo, por exemplo, já tinha o registro da segunda morte da cidade desde a última sexta-feira, mas, assim como os outros sete novos casos, não foi contabilizada nos dados do boletim informativo da Secretaria Estadual de Saúde (SES). 

A secretaria municipal de Saúde de Porto Alegre confirmou ainda ontem a 36ª morte por Covid-19. Trata-se de uma mulher, de 79 anos, que estava internada hospital Vila Nova desde o dia 25 de maio. Ela tinha um histórico de hipertensão. 

 

A cidade de Passo Fundo registrou nesse domingo o 32º óbito por Covid-19. A vítima é uma mulher, de 53 anos, com comorbidade.

O município de Paverama registrou ainda no sábado três mortes. As vítimas faleceram no Hospital Ouro Branco, em Teutônia. As fatalidades envolvem um idoso, de 87 anos e outras duas mulheres, mãe e filha, de 93 e 76 anos, respectivamente. Uma delas recebia atendimento no Hospital Ouro Branco, em Teutônia, e outra no Hospital Universitário de Canoas.

Nesse domingo, Santo Ângelo chegou ao registro de quatro mortes pelo novo coronavírus. A vítima é um homem, de 72 anos, que morava no bairro Rosa. Ele estava internado no Hospital Santo Ângelo desde o dia 16 de maio. O paciente havia sido diagnosticado como positivo ao coronavírus por meio de teste rápido no dia 24 de maio, realizado pelo próprio hospital, e foi infectado pelo vírus em contato social.

A cidade de Erechim também registrou uma fatalidade, a segunda do município desde o início da pandemia. A secretaria municipal de Saúde confirmou ao Correio do Povo nesta segunda-feira que a fatalidade envolve um homem, de 45 anos, que fazia hemodiálise no Hospital Santa Terezinha.