Consulado dos EUA em Porto Alegre esclarece dúvidas sobre agendamentos para visto de turismo

Consulado dos EUA em Porto Alegre esclarece dúvidas sobre agendamentos para visto de turismo

No momento, só há horários de entrevistas para 2022, mas disponibilidade muda com frequência

Henrique Massaro

Retomada da emissão de vistos para brasileiros será a partir de 8 de novembro

publicidade

Mais de um ano e meio depois de limitar o serviço por conta das restrições da pandemia, os consulados dos Estados Unidos anunciaram, na segunda-feira, a retomada da emissão de vistos para brasileiros a partir de 8 de novembro. Na manhã de ontem, o Consulado em Porto Alegre esclareceu que já há uma grande procura pelo agendamento de entrevistas. No momento, só há horários para 2022, mas a disponibilidade varia a todo momento e deve ser acompanhada pelo site da embaixada norte-americana.

Durante entrevista coletiva realizada ontem, os representantes do consulado norte-americano na Capital informaram que os agendamento represados por conta da pandemia não terão prioridade neste momento. Segundo o chefe da seção consular do Consulado-Geral dos Estados Unidos em Porto Alegre, Jeffrey Borenstein, no entanto, essas pessoas poderão encontrar mais agilidade por já possuírem um perfil no sistema e terem pago a taxa necessária. Ou seja, poderão realizar o reagendamento sem precisar cumprir todos os passos prévios.

Borenstein esclareceu também que situações emergenciais, como viagens de negócios ou questões de saúde, continuam se encaixando na categoria de vistos de emergência. Nestes casos, a disponibilidade de entrevistas pode ser mais próxima. “Quanto às emergências, o brasileiro tem direito de solicitar em qualquer embaixada ou consulado no Brasil, pelo site pode-se pesquisar a disponibilidade”, explicou.

Vacinas e testes

A cônsul para Educação, Cultura e Imprensa do Consulado-Geral dos EUA em Porto Alegre, Sarah Borenstein, lembrou, no início da coletiva, que, na segunda-feira, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, autorizou a entrada de estrangeiros no país, incluindo brasileiros. Ressaltou, ainda, que só poderão embarcar para os Estados Unidos os viajantes que estiverem completamente vacinados e que todas as vacinas aprovadas pela Anvisa para uso no Brasil serão aceitas.

Todos os estrangeiros também precisam apresentar um teste negativo para a Covid-19 realizado três dias antes do embarque. Para cidadãos norte-americanos e residentes nos Estados Unidos, que poderão viajar sem a imunização, o prazo para apresentação do teste negativo é de um dia antes do embarque. Serão aceitos os testes rápidos e o PCR.

Apesar da necessidade das vacinas para viajar, pessoas que ainda não completaram seu esquema vacinal podem agendar as entrevistas de solicitação de visto. A chefe-adjunta da seção consular Jennifer Denhard, contudo, afirmou que, assim como em qualquer outro estabelecimento da Capital, os cuidados sanitários estão sendo tomados para preservar o público e os funcionários.

Site
Para outras informações, acesse o site da embaixada e consulados norte-americanos no Brasil.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895