Corsan recebe autorização para captar quase R$ 500 milhões para projetos de saneamento básico

Corsan recebe autorização para captar quase R$ 500 milhões para projetos de saneamento básico

Obras irão beneficiar mais de 1 milhão de pessoas em 14 cidades do Rio Grande do Sul

Correio do Povo

Corsan recebe autorização para captar quase R$ 500 milhões para projetos de saneamento básico

publicidade

 A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) recebeu nesta terça-feira a autorização do Ministério do Desenvolvimento Regional para captar até R$ 499,8 milhões para projetos de abastecimento de água e de esgotamento sanitário. As iniciativas devem atedenr 1,1 milhão de pessoas em 14 cidades do Rio Grande do Sul. 

Os recursos poderão ser obtidos no mercado por meio da emissão de debêntures incentivadas. As debêntures são títulos privados de renda fixa que permitem às empresas captar dinheiro de investidores para financiar seus projetos. No caso das incentivadas, os recursos captados são empregados necessariamente em obras de infraestrutura e há isenção ou redução de Imposto de Renda sobre os lucros obtidos pelos investidores.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, destacou que a ação, além de permitir que milhares tenham acesso a serviços de saneamento básico, irá alavancar o mercado de capitais brasileiro. “Essa é uma das prioridades da pasta e do governo federal, com o apoio irrestrito do presidente Jair Bolsonaro”, comentou Marinho.

Veja Também

Foco é o abastecimento de água 

O foco dos projetos aprovados é a ampliação da oferta de abastecimento de água, a redução da intermitência do fornecimento de água, a adequação à legislação ambiental quanto ao tratamento de lodo nas estações e a ampliação da coleta e destinação adequada dos esgotos.

As ações de abastecimento de água reúnem investimentos de R$ 388 milhões para beneficiar 12 municípios: Alvorada, Canela, Dom Pedrito, Eldorado do Sul, Gramado, Iraí, Osório, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, São José do Norte, Viamão e Xangri-lá. Já para esgotamento sanitário, poderão ser captados cerca de R$ 112 milhões. Os serviços beneficiarão Alegrete, Cachoeira do Sul, Canela e Gramado.  

Carteira de projetos

Atualmente, o MDR possui uma carteira com 32 projetos prioritários de saneamento básico aprovados em 13 estados. Destes, 18 estão em andamento e já captaram R$ 3,7 bilhões no mercado por meio de debêntures. Da carteira total, 11 empreendimentos foram aprovados em 2020, com potencial para a captação de até R$ 2,57 bilhões no mercado de capitais.

Confira as ações previstas pela Corsan:

Abastecimento de água

- Ampliação do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) em Dom Pedrito/RS - captação, elevatória de água bruta e tratamento do lodo da Estação de Tratamento de Água (ETA)
- Ampliação do SAA em Eldorado do Sul/RS - adutora de água tratada e reservatório
- Ampliação do SAA Gramado e Canela - elevatória e adutora de água bruta, ampliação da ETA II, tratamento do lodo da ETA II, adutora de água tratada, reservatório e booster
- Ampliação do SAA em Iraí/RS - barragem de nível e reforma na elevatória de água bruta
- Ampliação do SAA em Osório e Xangri-lá - implantação de sistema de tratamento de lodo na ETA Osório e na ETA Atlântida Sul
- Ampliação do SAA em Santa Maria/RS - adutora de água bruta do Escrimin e adutora de água tratada da UFSM
- Ampliação do SAA da 5ª Seção da Barra em São José do Norte/RS - adutora e elevatória de água tratada e reservatórios
- Implantação do Sistema Integrado de Abastecimento Alvorada/Viamão - captação, adutoras, elevatórias, ETA, tratamento do lodo e reservatórios
- Implantação da Estação de Tratamento de Água no município de Santa Cruz do Sul/RS

Esgotamento sanitário

- Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) Alegrete/RS - implantação de redes coletoras na Bacia 1 e ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE)
- Ampliação da ETE em Cachoeira do Sul/RS - 2º módulo
- Ampliação do SES em Canela/RS - implantação de redes coletoras nas Bacias Canelinha e Santa Terezinha e ampliação da ETE Santa Terezinha - 2º módulo
- Implantação da ETE Ávila em Gramado/RS - 1º e 2º módulos


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895