Decreto de Witzel flexibiliza o isolamento no Rio de Janeiro

Decreto de Witzel flexibiliza o isolamento no Rio de Janeiro

Governador autoriza o funcionamento de bares, restaurantes, shoppings centers e o retorno do futebol no Estado

Por
R7

As medidas passam a valer já neste sábado no Rio de Janeiro


publicidade

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, publicou um decreto na noite desta sexta-feira flexibilizando o isolamento e autorizando o retorno de várias atividades no Estado. As medidas foram divulgadas em edição extra do Diário Oficial e passam a valer já neste sábado.

De acordo com o decreto, bares, restaurantes, shoppings centers e centros comerciais estão liberados para funcionar desde que respeitem o protocolo determinado pelo governo estadual, como operar com 50% da capacidade, garantir fornecimento de álcool em gel 70% e obrigar o uso de máscaras por parte de funcionários e clientes. Os shoppings só poderão abrir entre 12h e 20h e as áreas de recreação, como cinema, seguirão fechadas.

O governador também autorizou a abertura de pontos turísticos, mas também devem funcionar com apenas 50% da capacidade para o público. Os cultos religiosos estão liberados, porém será necessário respeitar a distância de um metro entre os fiéis.

As práticas esportivas em praias, lagoas e nos parques também estão autorizadas desde que não haja aglomeração. Em relação ao esporte de alto rendimento, Witzel liberou o retorno, mas não poderá ter a presença de público e as competições terão que seguir os protocolos de higienização criados pelo Estado.


Decreto mantém restrições

O governador prorrogou medidas de isolamento em algumas áreas até o dia 21 de junho. Academias de ginástica, cinemas e teatros continuam fechadas e as aulas presenciais nas redes estadual, municipal e privadas permanecem proibidas. As visitas a prisões e a pacientes que foram diagnosticados com a Covid-19 seguem vetadas.