Doses da CoronaVac devem chegar ao RS em voo fretado da Azul às 20h25min

Doses da CoronaVac devem chegar ao RS em voo fretado da Azul às 20h25min

Estado irá receber 341 mil doses do imunizante nesta primeira leva

Correio do Povo

O governador Eduardo Leite foi ao Centro de Distribuição Logística do MS, em Guarulhos, receber de forma simbólica as primeiras 341,8 mil doses destinadas ao Rio Grande do Sul

publicidade

As doses da vacina Coronavac contra a Covid-19 distribuídas ao Rio Grande do Sul pelo Ministério da Saúde na primeira leva devem chegar em voo fretado da Azul na noite desta segunda-feira no Estado. A assessoria de imprensa da empresa e o governo do Estado confirmam a informação de que uma aeronave partirá do aeroporto Internacional de Guarulhos às 18h, com aterrissagem estimada às 20h25min no Aeroporto Salgado Filho, na Capital. Além da cidade gaúcha, também irão receber o imunizante por meio dos voos da companhia aérea Cuiabá, Vitória, João Pessoa, Curitiba, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte, Salvador, São Luis, Aracajú, Natal e Maceió.

O Rio Grande do Sul irá receber 341 mil doses, das quais 311.680 vão para os grupos prioritários da população em geral e 30.120 para indígenas, também considerados prioridade. A previsão era que a a primeira vacinação no Estado ocorresse entre às 17h e 18h, mas conforme a assessoria do governo estadual, "esse horário não foi confirmado oficialmente".

Conforme nota divulgada à imprensa a Azul vai transportar 2,7 milhões de doses a essas cidades. A empresa havia anunciado em dezembro que estava à disposição das autoridades brasileiras para realizar o transporte das vacinas pelo país utilizando sua malha de voos existente e fretamentos, movimento que foi aderido também por outras empresas do setor.

Veja Também

"A Azul tem servido ao Brasil nos últimos 12 anos, trazendo serviços aéreos essenciais para mais de 100 cidades. Estamos muito animados em poder ajudar e apoiar o Governo Federal, em parceria com a VTCLOG, nessa crítica missão de distribuir vacinas em todo o território nacional. Junto com nossa empresa de logística, a Azul Cargo Express, temos a capacidade única de transportar vacinas com segurança e eficiência para cidades e comunidades em todo o país", afirmou em comunicado John Rodgerson, presidente da marca. "Vamos continuar atendendo todos os pedidos possíveis, tanto para o transporte de vacinas, como para o transporte de insumos para o abastecimento das redes hospitalares, como fizemos com alguns voos nos últimos dias para Manaus", completou.

Distribuição iniciada pela manhã

Os primeiros aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) começaram a sair do Aeroporto de Guarulhos nesta manhã transportando cerca de 44 toneladas de vacinas, inicialmente para o Distrito Federal e para as capitais de 10 estados: Acre, Amapá, Amazonas, Ceará, Goiás, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rondônia, Roraima e Santa Catarina. além do suporte do Ministério da Defesa, a Saúde também conta com o apoio da Azul e da Associação Brasileira de Empresas Aéreas por meio das companhias aéreas Gol, Latam e Voepass, para o transporte aéreo das doses.

Para o transporte terrestre, 100 veículos estão aptos para fazer o deslocamento das doses pelo país, com sistema de rastreamento e bloqueio via satélite. Até o final de janeiro, mais 50 caminhões serão incorporados a frota.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895