Estudante usa foto de Hitler em bolo de aniversário e será investigada pela Polícia Civil

Estudante usa foto de Hitler em bolo de aniversário e será investigada pela Polícia Civil

Aluna do curso de História da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) teria postado as fotos do bolo em redes sociais

Correio do Povo

publicidade

O caso de uma jovem de 24 anos que comemorou o aniversário com um bolo com a imagem de Adolf Hitler vai ser investigado pela Polícia Civil. Aluna do curso de História da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), ela teria postado as fotos do bolo em redes sociais. 

Ao tomar conhecimento dos fatos, a instituição de ensino informou as autoridades policiais e se manifestou em nota. “A UFPel é contra qualquer forma de enaltecimento ao nazismo, ao fascismo e a autores de crimes contra a Humanidade. Nesse sentido, está acompanhando e averiguando os fatos ocorridos recentemente com a cautela necessária, também para que não aconteçam atos injustos, devido a análises intempestivas de nossa parte.” 

A assessoria da reitora Isabela Andrade reitera que a universidade repudia qualquer apologia ao nazismo ou qualquer outra forma de discriminação. “Além disso, tendo em vista que o fato não ocorreu nas dependências da universidade nem em qualquer atividade acadêmica, ao recebermos a notícia dos fatos, encaminhamos imediatamente à autoridade policial para as providências adequadas.”

A deputada estadual Juliana Brizola informou nesta segunda-feira, em rede social, que seu gabinete preparou um ofício, que será entregue na quinta-feira ao Ministério Público Estadual, pedindo providências constitucionais sobre o caso. O crime de divulgação do nazismo está na Lei 7.716/1989, prevendo pena de multa e reclusão.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895