Feiras de Porto Alegre também entram nas medidas de combate ao novo coronavírus
capa

Feiras de Porto Alegre também entram nas medidas de combate ao novo coronavírus

Apesar de algumas medidas, público ainda se aglomerou para fazer compras

Por
Gabriel Guedes

Apesar de algumas medidas, público ainda se aglomerou para fazer compras

publicidade

As Feiras Modelo de Porto Alegre também estão submetidas ao decreto 20.525, de 22 março, assinado pelo prefeito Nelson Marchezan, que determina alterações no funcionamento do comércio da Capital em função da pandemia do novo coronavírus. Segundo a legislação atualizada, “as feiras de hortifrutigranjeiros ao ar livre poderão funcionar, desde que observado o distanciamento mínimo de 10 m (dez metros) entre uma banca e outra, limitado aos produtores de Porto Alegre.”

A feira do Largo da Epatur, que ocorreu nesta terça-feira, já foi neste novo esquema: tendas afastadas, com a meta de evitar a aglomeração de pessoas. No entanto, a medida foi insuficiente para isso. No momento do pico do movimento, pessoas ainda conseguiram ficar perto uma das outras. Segundo o secretário adjunto da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), Leandro Balardin, a situação é de difícil controle. “Em relação às pessoas, não muito o que fazer. Recomendamos que elas mantenham distância uma das outras”, orienta. Sobre os espaços entre as barracas, o adjunto constatou que os feirantes estavam cumprindo o que determina o decreto.

Atualmente existem 35 feiras como a que é realizada no Largo da Epatur. Estão divididas em sete grupos que vendem hortigranjeiros, carnes, derivados de leite, frios e embutidos. Participam das feiras produtores rurais e comerciantes, aprovados em processo de seleção pública. As exigências variam conforme o ramo em função das características dos produtos  vendidos. Entretanto, por causa do decreto, temporariamente, apenas feirantes de Porto Alegre poderão participar. As feiras são semanais e acontecem de terça a domingo em vários bairros e também estão sujeitas a regulamentação imposta pelo mesmo decreto.