Feriado de Carnaval tem 1,1 mil motoristas autuados na Rota do Sol
capa

Feriado de Carnaval tem 1,1 mil motoristas autuados na Rota do Sol

Índice de autuações na rodovia foi de 8,9%, sem nenhum acidente fatal durante todos os dias de festa

Por
Correio do Povo

Dos veículos que transitaram pela Rota do Sol 8,9% foram autuados, dos quais 1,1 mil receberam multas por excesso de velocidade

publicidade

O feriado de Carnaval foi bastante tranquilo para quem utilizou a Rota do Sol para ir voltar do Litoral Norte. Durante os cinco dias de festa, aproximadamente 17 mil veículos utilizaram a rodovia e, segundo o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), foram registrados sete acidentes, três com danos materiais e quatro com lesões leves, sem nenhum registro de morte.

Dos veículos que transitaram pela rodovia 8,9% foram autuados, dos quais 1,1 mil receberam multas por excesso de velocidade. Ao longo do feriadão uma pessoa foi presa por embriaguez e o CRBM registrou mais 318 infrações de trânsito.

Outro balanço parcial foi apresentado na manhã de ontem pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Lajeado, no Vale do Taquari. Responsável pelo trecho da BR 386 entre Vitor Graeff e Nova Santa Rita, e também por parte da BR 470, a instituição constatou um aumento no fluxo na sexta e terça-feira, o que não se repetiu no sábado e na quarta-feira. Nos dias de Operação Viagem Segura de Carnaval duas pessoas morreram e nove ficaram gravemente feridas nos oito acidentes registrados nos dois trechos, além de outras 10 com ferimentos leves.

Em Fontoura Xavier foi registrado o caso mais grave, na sexta-feira quando uma pessoa morreu em um ocorrência que envolveu seis veículos. Na quarta-feira houve o segundo acidente fatal, quando um homem que realizava trabalhos na pista foi atropelado e faleceu no local.

Na comparação com 2019 houve aumento em mortes e no número total de acidentes, já que no ano passado foram uma pessoa morreu e foram registrados seis acidentes durantes os dias de Carnaval. No total, a PRF de Lajeado fiscalizou 593 veículos e 697 pessoas, com 174 infrações registradas. A infração mais comum foi a ultrapassagem perigosa, com 33 registros. Já o número de motoristas alcoolizados ao volante foi bastante baixo, com apenas nove ocorrências nos 163 fiscalizados, ou 5,5% do total.