Instituto do Câncer Infantil mostra projeto com live recheada de craques

Instituto do Câncer Infantil mostra projeto com live recheada de craques

Casa ICI vai abrigar pacientes que já esgotaram as possibilidades de tratamento

Christian Bueller

O embaixador do ICI para a América Latina, o jogador do Inter Andrés D’Alessandro convidou amigos do futebol para participar da live

publicidade

Com as presenças de craques dentro e fora dos gramados, o Instituto do Câncer Infantil (ICI) realizou a live Conexões ICI, onde mostrou o mais novo projeto da instituição. A Casa ICI vai abrigar pacientes que já esgotaram as possibilidades de tratamento. O evento, híbrido, foi transmitido diretamente da sede do Instituto, com participações virtuais e presenciais, seguindo todos os protocolos sanitários. 

O local será a segunda casa de acolhimento para atendimento paliativo pediátrico de crianças e adolescentes com câncer na América Latina. O objetivo é oferecer um local onde o paciente e sua família tenham conforto físico e psicológico, atendidos por equipe multidisciplinar, com assistência 24 horas. Todo o atendimento será gratuito, incluindo alimentação e a infraestrutura, sem limite de tempo de hospedagem. A Casa ICI tem capacidade também para atender pacientes do interior e de outros estados. O lançamento oficial deverá ocorrer em maio de 2021.

O embaixador do ICI para a América Latina, o jogador do Inter Andrés D’Alessandro foi o convidado da noite. “A nossa causa é muito grande e muito nobre. As crianças precisam de carinho, de que estejamos perto”, lembrou o atleta.

O argentino se emocionou ao lembrar a história de um jovem paciente, Henrique, de 17 anos, recentemente falecido. “Ele me ensinou muito. Conheci ele bem e, mesmo sabendo que não havia mais o que fazer quanto à doença, me recebia com um sorriso”, recordou. A relação de D'Ale com a cidade, o Inter e o ICI foi contada na live.

Superintendente fundador do ICI, o médico Algemir Brunetto lembrou da necessidade de união de forças entre esporte, ciência, medicina e solidariedade. O ex-jogador Dunga também participou do evento. Durante a live, foram anunciados oficialmente como padrinhos da Casa ICI o ex-goleiro Claudio Taffarel e sua esposa Andrea, e o atual goleiro da Seleção Brasileira e do Liverpool, Alisson Becker e a esposa Natália.

D’Alessandro convocou amigos do futebol para propagar a causa do ICI pela América. O atacante peruano do Inter, Paolo Guerrero, e os ex-jogadores Álvaro Recoba (uruguaio) e Roberto Ayala (argentino) participaram do encontro por vídeo. Ao fim do evento, D'Ale foi homenageado com uma placa.

O ICI recebeu, em 2020, o prêmio de Melhor ONG de Saúde no Brasil a terceira melhor ONG do país, no geral, em premiação promovida pelo Instituto Doar. Com 29 anos de atividades, o ICI presta assistência integral ao paciente e seus familiares com serviço social, nutrição, apoio pedagógico, psicologia, educação física, fisioterapia, atividades culturais, assistência à família, fisioterapia, odontologia, psicopedagogia, educação física, atividades culturais e núcleo jurídico.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895