Leitos de UTI estão com quase 40% de pacientes com Covid-19 no RS

Leitos de UTI estão com quase 40% de pacientes com Covid-19 no RS

Pacientes confirmados para a doença usam 784 das 1982 vagas ocupadas na rede estadual

Taís Teixeira

A última atualização do boletim municipal de leitos de internação foi na sexta-feira, às 21 horas

publicidade

O 299 hospitais distribuídos pelos 497 municípios  monitorados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) somam  2.673 leitos adultos destinados para a unidade de terapia intensiva (UTI) adulta. Desde total, 1982 estão preenchidos, o que representa 74,1% das vagas em uso. Utilizando essa taxa de ocupação (1982 leitos) como parâmetro,784 estão com pacientes confirmados para Covid-19, o que representa 39,6% da taxa de ocupação. 

Já 149 vagas são para suspeitos de Covid-19 ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o que equivale a 7,5%, e 1049 estão internados por outras razões, formando a maior parte com 52,9% dos casos de internação. Já a UTI pediátrica tem três pacientes confirmados e nove  sob investigação da doença ou de SRAG. Os números referem-se ao levantamento de segunda-feira, às 15h21, que não considerou os dados de 58 hospitais que não repassaram `a SES as atualizações.

A ocupação dos leitos de UTI adulta de Covid-19 nas principais instituições hospitalares dos Estado é variável, sendo que o Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), concentra 61 pacientes positivos para Covid-19 e nove com suspeita, Hospital Moinhos de Ventos, em Porto Alegre, com 41 pacientes confirmados e nenhum caso em investigação, Hospital Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, com 31 pacientes positivos e sete com suspeita, Hospital Regional de Santa Maria, em Santa Maria, com 24 confirmados e um suspeito, Hospital São Lucas da Pucrs (HSL), em Porto Alegre, têm 19 positivos e nenhum caso em investigação e Hospital Ernesto Dornelles, em Porto Alegre, com 18 confirmados e um suspeito.

Já na Capital, dos 814 leitos da UTI adulta, 82,73% das taxas de ocupação, com 272 casos confirmados e 22 suspeitos em 17 hospitais monitorados. A última atualização do boletim municipal de leitos de internação foi na sexta-feira, às 21 horas.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895