Mais da metade do comércio de Porto Alegre afirma ter tido queda nas vendas do Dia das Crianças

Mais da metade do comércio de Porto Alegre afirma ter tido queda nas vendas do Dia das Crianças

Ticket médio das compras ficou em R$ 113, segundo Sindilojas

Correio do Povo

Os comerciantes que disseram ter obtido resultados melhores somaram apenas 6% dos entrevistados

publicidade

Levantamento do Sindilojas apontou que 56% dos comerciantes de Porto Alegre venderam menos no Dia das Crianças de 2020 do que na mesma data no ano passado. Os lojistas que afirmaram ter obtido resultados melhores somaram apenas 6% dos entrevistados, e os que consideram as vendas semelhantes a 2019 correspondem a 23%. Outros 15% não souberam responder.

Entre os que reportaram queda, a comparação ficou em 23% a menos que no ano anterior. Roupas (55,7%), calçados (35,7%) e brinquedos (28,6%) foram os produtos mais procurados, com ticket médio em torno de R$ 113.

Ainda de acordo com os lojistas, a forma de pagamento preferida pelos consumidores foi o cartão de crédito parcelado (64,3%), seguido do cartão de débito (15,7%) e do dinheiro à vista (10%). Os outros 10% correspondem às vendas no cartão de crédito em 1x (8,6%) e parceladas no crediário (1,4%).

A maior procura pelos presentes, conforme os entrevistados, ocorreu na véspera da data e na semana anterior, principalmente nas lojas físicas (74,3%). Para 24,3% dos lojistas, essa busca se deu por meio dos dois formatos, tanto na loja física quanto nos canais digitais. O WhatsApp foi a principal ferramenta utilizada para a realização das vendas para 83,3% das lojas que venderam online.

Veja Também

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895